Contos eróticos | Meu amigo e eu revelando desejos | Heterosexuais

PUBLICIDADEninfetas videos de sexo flagras filmes porno sexo anal safadas

Meu amigo e eu revelando desejos

Olá, isso nao é somente um conto, é verídico e aconteceu esse ano.

  Sou bissexual...

Tudo começa há cinco anos quando começo uma amizade com um menino gordinho, feiinho,baixinho e estranho...meu amigo, o Fabio, ao longo desse tempo até esse ano, veio desenvolvendo e ganhando um corpo maravilhoso,mas nunca comentei nada porque éramos amigos de muito tempo...às vezes quando saíamos ele dava uns elogios e mal sabia que por trás dos meus sorrisinhos de vergonha tinha uma buceta inchada latejando por aquela pica...Ele por muitas vezes namorou e sempre nos respeitamos muito...Ano retrasado ele ficou o ano inteiro fora em intercambio, e conseguiu, sabe Deus como voltar ainda mais gostoso e gato...Fabio voltou além de tudo, mais safado daquele intercambio...começavam as indiretas nos bares e eu nao conseguia quase nunca tirar o olho do volume das calças dele...ano passado eu tava decidida que aquela piroca gostosa ia ser minha.

 No inicio desse ano fiz aniversario e conversava muito pelo chat com ele...não nos víamos tinha algum tempo e eu tava morrendo de saudades daqueles olhares safados e dos elogios gostosos. Na noite da virada, nós estávamos conversando e a conversa foi esquentando... "Vou passar a virada pro meu aniversário sozinha... =/" e então ele começou a dizer que adoraria passar comigo, então fui ficando molhada e com mais tesão a cada elogio que ele me fazia e o convidei para vir aqui em casa passar a virada do meu aniversário e podíamos fazer alguma coisa depois.Ele nao pensou duas vezes e aceitou NA HORA!

 Tomei um banho me deliciando com a minha bucetinha lisinha no chuveiro ansiosa por aquela piroca dentro de mim, saí coloquei minha calcinha cavada de renda preta e quando estava saindo do banheiro enrolada na toalha, a campainha tocou.Pelo olho magico eu vi aquele deus grego, loiro, alto e forte com os traços da descendência alemã dele e abri a porta de toalha mesmo...com os olhos arregalados ele perguntou 'como assim voce tá de toalha?" eu respondi "Desculpa Fabinho, acabei de sair do banho e to indo trocar de roupa, espera no sofá..." e assim eu fui pro quarto e deixei a porta entreaberta que dava direto pro sofá...troquei o resto da roupa e quando cheguei na sala, me deparei com a bermuda dele quase estourando de tanto tesão! o loirinho ficou vermelhinho quando me viu trocando de roupa...hahaha. Sentei ao lado dele, de blusinha, sem sutiã e shortinho, como ficava em casa...tenho seios fartos, sou alta, uma bunda redonda, gostosa e pernas longas...a essa altura estávamos bebendo umas cervejas e conversávamos lembrando dos velhos tempos...depois de um baseado pra relaxar mais as coisas, os elogios da parte dele começaram, e junto com isso senti minha calcinha meladinha a ponto de estar encharcada e quando olhei pra baixo, vi o bico do meu peito arrepiado de tanto tesao.Fabinho veio chegando perto e dizia que tinha muito tempo que alguma coisa tinha mudado com ele em relação a mim e que eu tinha ficado muito gostosa,que meus peitos pareciam deliciosos e que o que ele mais queria só precisava do meu consentimento. Assustada, porém encharcada de prazer eu disse 'Fabinho, nós somos amigos!' e ele disse "Amigos fodem tambem" . Não aguentei, naquele momento eu estava no meu ápice e ele também.Agarrei o cara e o beijei tão intensamente que sentia o pau dele ficando duro só com aquele beijo.Ele começou a beijar o meu pescoço enquanto minhas mãos passavam pelo corpo todo dele e ele chegou devagarinho abaixando minha blusinha aos meus bicos.Meu peito tava duro de tanto tesão, ele chupava e mordia delicadamente e alternava pra selvageria, eu comecei a alisar aquela piroca e aí ele tirou minha blusa e em seguida a dele.Meu Deus, como ele tava gostoso! E assim arriou aquela bermuda e a cueca, deixando a mostra um pau de pelo menos uns 23 centímetros.Quase caí pra trás de tanto tesão.Aquele gordinho estranho virou aquilo tudo em cinco anos, como podia isso???E aí, tonta de prazer agarrei Fabio pela cintura e caí de boca com tudo naquela piroca gostosa, primeiro pela cabecinha rosinha rodeando tudo com a minha linguinha e depois de cima abaixo, chupando as bolas que o faziam gemer mais que tudo e depois enfiando aquela trolha maravilhosa na minha boca com tudo até a garganta, nunca chupei um pau com tanta vontade.Fabio urrava de tesão e me jogou no quarto em dois segundos.Deitou do meu lado e não precisou dizer nada,ajoelhei em volta dele e eu finalmente ia quicar naquela piroca gigantesca e gostosa. Primeiro ele dedou minha bucetinha inchada e lisinha muito gostoso com um, dois, tres...e quando vi eu ja tava quicando devagarinho, primeiro a cabecinha uma, duas, tres vezes, depois a piroca toda,meu deus, só te contar eu já me encharco toda...então ele me botou de quatro e começou a penetrar em mim como jamais minha namorada fez, me puxava o cabelo e ficava 'sua piranha, cachorra, gostosa, essa buceta é maravilhosa' e eu só conseguia gemer e gritar pedindo pra ele foder minha buceta toda. Enquanto a piroca ia na frente, ia um, dois, tres quatro dedos atrás.Meu cu tava arrombadinho, rosinha e depiladinho e eu nao parava de rebolar de quatro quando senti a dor mais gostosa do mundo com aquela piroca no meu cu adentro. Ele me socou toda com aquela cabecinha rosa enquanto apertava meus peitos e dedava minha bucetinha molhada.Eu gritava de tesão e ele mais ainda, naquela noite nenhum vizinho dormiu hahaha.Por fim ele me chupou muito, enfiando a linguinha na minha bucetinha e mordendo meu grelinho inchado de leve, me dedando muito gostoso e quando eu vi, tinha dado o meu primeiro squirt molhando a cara dele toda de gozo, o que o deixou com mais tesão,e depois eu caí de boca mais uma vez e com mais vontade do que nunca naquela piroca gigante e levei porra na cara toda batendo aquela punheta gostosa indo debaixo pra cima apertando a pele pra beber a ultima gota de gozo presa na cabeça do pau dele...Foi a melhor foda da minha vida, depois disso nos encontramos mais uma vez aqui em casa e ele fodeu a minha bocetinha com mais prazer do que antes...Algum tempo depois ele viajou e está morando bem longe daqui, ainda nos falamos por emails e chats e nao vemos a hora de fodermos mais e mais sem fim...

Gostou? Vote no Conto:

55494 visitas

 

Contos Eróticos Relacionados

Levei pepino no cu

 
 
PUBLICIDADEamadoras sexo anal porno

Contos de Putaria :: Site proibido a menores. Denuncie pedofilia.