Contos eróticos | Prima | Teens

PUBLICIDADEninfetas bundas filmes porno bundas flagras gostosas

Prima

 Já fazia um tempo que eu me masturbava ouvindo minha prima de 17 anos e seu namorado fodendo no banheiro. Era sempre assim, quando dava 10 e meia da noite, eu podia ir pro seu quarto que ela estava trancada no banheiro dando pra ele enquanto a família toda assistia a tradicional novela das nove na sala.  Hoje não seria diferente. Cheguei da faculdade por voltas das dez e e quarenta, cumprimentei todo mundo e segui para o meu quarto, tirei minha roupa, e sem pensar dos vezes, fui até o quarto de Camila, que como de costume, estava com a porta apenas encostada.  Entrei no quarto e tranquei a porta, assim ficava menos perigoso, caso alguém me visse, esse alguém seria ela. o que não seria exatamente ruim. Me deitei na cama e me concentrei, de forma que já podia ouvir os gemidos de Camila.   Automaticamente minhas mãos escorregaram a minha boceta já completamente molhada apenas pelo risco de ser pega. Os dedos se mexiam habilmente no clitóris, e comecei a imaginar o que estava acontecendo lá dentro." Ele passou a mão na vagina dela, enquanto abria sua perna a apoiando no mármore da pia.- enfiei um dedo em mim - o pênis dele escorregou do buraco anal direto pra xana molhada dela, quem antes de se preparar, recebeu um pênis grosso de uma vez..."  Aumentei a velocidade do meu dedo, colocando mais um. E mais um. Com a outra mão voltei a fazer movimentos circulares no clitóris e quando eu estava quase chegando ao orgasmo, o barulho da porto do banheiro destrancando fez meu coração disparar. [CONTINUA]

Gostou? Vote no Conto:

54522 visitas

 

Contos Eróticos Relacionados

Uma noite na casa de minha melhor amiga

 
 
PUBLICIDADEflagras amadoras sexo

Contos de Putaria :: Site proibido a menores. Denuncie pedofilia.